< voltar

Uso de veículos no Cassino é Patrimônio Cultural Imaterial

Uso de veículos no Cassino é Patrimônio Cultural Imaterial

Na sessão plenária desta quarta-feira (31), na Câmara Municipal do Rio Grande, foi derrubado o veto do prefeito, Alexandre Lindenmeyer, ao Projeto de Lei nº 43 de 2017, de autoria do vereador Filipe Branco (PMDB), que trata do costume do uso de veículos na beira da praia do Cassino como bem integrante do Patrimônio Cultural Imaterial do Município do Rio Grande. Dos 18 vereadores presentes, 13 votaram contra o veto do prefeito, agora o Projeto aguarda sanção do Legislativo.

Conforme Filipe Branco, a aprovação do Projeto de Lei é uma vitória da população rio-grandina que terá preservada sua tradição de ir a praia com seu veículo. “Com a Lei também garantimos que seja mantido um dos principais atrativos e diferenciais do Cassino, que é a possibilidade de transitar de veículo pela beira da praia. Lembro que sou a favor da preservação do Meio Ambiente, mas precisamos achar o equilíbrio entre as questões ambientais e culturais de nosso Município”, salientou o verador.